27 de nov de 2012

Big Girls Don't Cry: Capítulo 22 – Broken Hearted Girl (parte 1)

| |
"Eu não quero um coração partido e eu não quero ser a garota de coração partido." (Broken Hearted Girl,Beyoncé)
tumblr_me4fepUBXA1qhft5ko1_1280.jpg




LAR DOCE LAR! Véi,era tão bom estar,finalmente,em casa. Claro que eu tava adorando aquele “clima” com o Justin,mas eu tava muito feliz de voltar para casa. Hoje,eu e meus pais vamos até a casa dele para um jantar “em família”. Mal posso esperar! Fui até meu quarto tomei banho e vesti esse >link< pijama para descansar um pouco.
(...)
Estávamos > link da roupa da SN > tocando a campanhia da casa do Justin. Pattie que abriu a porta.
Pattie: Olá,queridos. Boa noite! Entrem!
Foi quando eu entrei que vi que Justin estava descendo as escadas,lindo como sempre. Ele sorriu e veio até mim,me dando apenas um selinho porque nossos pais estavam ali. Logo eles foram até a sala conversar,enquanto eu e Justin subimos pro quarto dele. Ele fechou a porta e foi logo me beijando.
Justin: Eu – selinho – tava – selinho – morrendo – selinho – de – selinho – saudades – selinho – meu – selinho – amor – selinho.
Sn: Eu também – sorri timidamente
Justin: depois do jantar,a gente podia ir numa festa né? Meu amigo Cody Simpson tá fazendo uma festa hoje na casa dele,podia ser legal.
Sn: Claro – sorrindo.
Justin: Minha mãe colocou a lasanha no forno agora praticamente. Ainda dá para aproveitar.
Entendi tudo quando ele sorriu malicioso. Subiu em cima de mim e começou a me beijar. Suas mãos alisaram de leve minha coxa e logo foram subindo para o feixe do meu vestido. Eu arranhava suas costas por debaixo da blusa e tratei de tirá-la rapidamente. Giramos e eu fiquei por cima dele. Sorri maliciosa e distribuí beijos por todo o seu peitoral até chegar na barra de sua calça. Passei minhas mãos pelo seu cós da calça e senti o quão excitado ele estava. Tirei a calça dele o deixando apenas de cueca.
Ele nos girou e começou a dar beijos no meu pescoço. Terminou de tirar meu vestido - que já estava aberto até então -  e colocou suas mãos sobre meus seios ainda cobertos pelo sutiã e os apertou fortemente,me fazendo arfar. Depositou chupões naquela área e depositou um apertão em minha bunda. Selei nossos lábios novamente,enquanto ele tirava meu sutiã. O jogou em qualquer lugar daquele quarto,junto ao resto de nossas roupas e começou a sugá-los.
Justin chupava,mordia e lambia meus seios,me fazendo gemer de prazer. Tirei sua cueca e comecei a estimulá-lo com a mão. Ele gemia freneticamente. Tirou minha calcinha e deitou-se por cima de mim.
Passava seu membro sobre a minha intimidade,sem penetrá-la. Mas o apenas roçar de nossas intimidades me deixava excitada. Ele queria me provocar e estava conseguindo.
Sn: Vai...logo...Justin – falei enquanto gemia por conta do prazer que aquilo estava me proporcionando.
Justin: Implore – sussurrou em meu ouvido,me fazendo arfar.
Sn: Justin... Por favor.... eu preciso de você dentro de mim – eu não estava mais aguentando.
Ele então me penetrou,me fazendo gemer fortemente. Ele me beijou para cessar os barulhos,se não,provavelmente,nossos pais já teriam escutado tudo.
Os movimentos de vai e vem que ele fazia movimentando seu quadril para frente e para trás me levava à loucura.Impulsionei meu quadril para a frente e ele entrava dentro de mim com cada vez mais força. Revirei os olhos de prazer.
Giramos e eu comecei a cavalgar em seu membro,enquanto nos beijávamos rapidamente. Voltamos a posição anterior – com ele em cima de mim – e chegamos ao orgasmo,juntos.
Justin tombou ao meu lado e nos beijamos mais uma vez. Sussurramos um “eu te amo” para o outro e fomos nos vestir novamente. Eu estava tão feliz,que nem pensei que poderia acontecer alguma coisa tão ruim  depois...
(...)
O jantar foi bem legal. Justin fazia palhaçadas e piadas sem graça,nos levando a rir. Depois,fomos até a casa do Cody.Ele tinha o mesmo sobrenome que eu,haha. E eu sou tipo assim viciada em “So Listen” masok. Ao chegar lá,Justin me mandou esperar no carro – pediu né , pq ele n manda em mim u.u brinks – e saiu para abrir a porta pra mim. Mais fofo impossível. Eu o selei e fomos até a porta da casa. Cody veio nos receber e ele é MUITO atencioso. Na pista de dança começou a tocar “Scream” do Usher. PQP,EU AMO ESSA MÚSICA.
Sn: Vem,Justin! Vamos dançar. – falei o puxando e fomos até a pista de dança
Eu descia até o chão e nós dançávamos com os corpos colados  ,e eu podia sentir sua ereção . Eu virava de costas pra ele e rebolávamos juntos,enquanto ele beijava meu pescoço. É,a festa estava só começando.

Continua com 4 comentários...

EM BREVE: 7 THINGS (sinopse e apresentação dos personagens aqui,comentem!)
..........................................................................................................................................................

O que será que vai acontecer? Só no próximo capítulo! Eu resolvi dividir o 22 em duas partes: uma mais feliz e outra mais triste,é. Esse é a parte mais feliz,então se preparem pro próximo... Big Girls Don't Cry já está chegando ao fim,mas em breve: 7 things!

Não vou poder responder os comentários de novo,mas li todos :\ Amei os comentários, Gabriela,Carol,Jessy,Jade,Rê,Luh, Khloe e Thais,amo vcs!

5 comentários:

  1. não acredito que ja ta acabando ?? ta mt perfeita :( mais ai vem outra haha 7 things :D vou amar,continua logoooo ta mt perfeita e Set Fire To The Rain?? sinto sdds !!
    continuaa

    ResponderExcluir
  2. PQP porque tinha que acabar? haha'
    em fim , está perfeiiito Mari *---*
    POSTAAAAA LOOOOGO!! :D:D

    ResponderExcluir
  3. Ta muuuito perfeito, to amando demais, continuaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir